Header Ads

Marrakesh

Marrakesh, não é a capital de Marrocos como muitos acham,  a capital é Rabat, Marrakesh, deve ser uma das cidades mais conhecidas do país, e tem muitos voos para lá de vários países da Europa, com um valores bem baixos.




Aproveitando esse valor baixo de passagens aéreas para Marrakesh saindo da Europa, e principalmente de Dublin cidade onde estávamos morando, compramos as passagens para passar 5 dias lá, pois os voos de Dublin saem todos as quintas-feiras e domingos, também há voos baratos para lá saindo da Espanha.


Resolvemos ir para lá pois queríamos ver o sol e sentir o calor dele, era inverno em Dublin, e é muito frio, chuvoso e escuro (no inverno escurece as 16hs), e é um dos poucos lugares mais próximos, com calor, mesmo no final do inverno.


Ficamos no hotel e resort Le Semiramis, para aproveitar os dias de sol na piscina do hotel, Marrocos é muito mais barato que a Europa, lá é possível ficar em um resort pagando mais ou menos 100 euros por 5 dias o casal.


O hotel era bem bom, mas nada de espetacular, a piscina que era o que mais queríamos, cumpriu o seu papel, é a melhor coisa do hotel, lá em Marrakesh poucas pessoas falam inglês e no hotel também tinham poucas pessoas ou quase ninguém que falava inglês, só tinha um recepcionista que falava um pouco de Espanhol, lá  eles falam quase todo mundo o Francês, é a língua oficial e o árabe marroquino.


No hotel aconteceu duas histórias engraçadas e chatas ao mesmo tempo, a primeira foi que nosso quarto tinha um barulho de som de discoteca todos as noites, depois das 1 hora da manhã, no segundo dia pedimos para trocar de quarto e eles trocaram depois de duas noites mal dormidas, na segunda noite descobrimos que o som era de uma balada (um night club, que ficava ao lado do hotel, na verdade meio que parecia dentro do hotel), sabíamos que isso lá era muito comum, baladas com prostituição, mas depois que trocamos de quarto ficou tudo bem. 


Outra coisa engraçada foi depois de voltar do passeio para Ait Ben Haddou, chegamos no hotel quase 22h, mortos de fome e o restaurante estava fechado mas a gente tinha visto que tinha room service (serviço de quarto) 24 horas, depois de tomar banho pois o passeio foi lindo, mas cansativo, ligamos para o room service a pessoa atende, só fala em Frances, e falou que estava fechado mas que iria ligar de volta, esperamos um tempo e nada, eu resolvi descer para ir na recepção e lá descobri que o room service era realmente 24 horas, mas a cozinha era até as 22h30, pensei pronto vamos ficar sem comer depois de um dia cansativo, voltei para o quarto e falei com a Pri, o atendente do room service passou lá também para falar isso e deu uma garrafa de água pra gente, falei pra Pri que não iriamos conseguir dormir sem comer, fui de novo na recepção para ver se conseguia algo que pudesse entregar no hotel, liguei da recepção para o Mc Donalds e nada de atenderem o telefone, aí o recepcionista falou que poderia ter uns restaurantes perto do hotel abertos, fui lá eu me aventurar em Marrakesh às 23hs atrás de comida, o hotel ficava numa área só com resorts, a Pri nessa hora ficou preocupada de eu sair pela cidade, como era uns 5 quarteirões não vi problema em ir,  só que não achei nada de restaurante onde o cara havia falado, resolvi voltar para o hotel, mas no caminho lembrei que numa rua  bem perto do hotel tinha, um lugar que estava escrito snacks, pensei ok vamos comer algum salgadinho e beleza, fazer o que né? Entrando lá, por sorte o garçom falava inglês e me deu um cardápio com vários tipos de comida, ufa vamos conseguir comer, pedi uma pequena pizza e um x-burger, o bom de tudo isso foi que comemos os snacks nos outros dias também,  pois era mais barato que no hotel e a comida era muito boa.

O que fazer em Marrakesh e no Marrocos e quais são as principais atrações de Marrakesh e no Marrocos.

Voltando a falar a viagem, dos 4 dias que tínhamos em Marrakesh, resolvemos dois dias ficar no hotel, curtindo o sol e a piscina, nos outros 2 dias, um fizemos um passeio maravilhoso (veja aqui os passeios que tem saindo de Marrakesh) para as montanhas Atlas, Ouarzazate e a incrível cidade fortificada de Ait Ben Hadoou veja o post do passeio, no outro dia resolvemos visitar Marrakesh.




Na noite do primeiro dia que ficamos no hotel curtindo a piscina fomos para a praça central de Marrocos a Praça Jemma El Fnaa, onde de dia tem os encantadores de cobras os adestradores de macacos e de noite rola um tipo de feira de comida ao ar livre, o local é bem diferente de tudo, com bastante turistas e muitos marroquinos, comemos em uma das barraquinhas uma comida boa é barata, o duro é escolher, pois todos vem falar com você e oferecer as comidas, é uma zona, mas valeu a pena.







Conhecemos também a Mesquita Koutobia um dos símbolos da cidade e uma das maiores mesquitas, é muito bonita é uma construção de 1147 e de noite fica toda iluminada, A torre tem 69 metros de altura e uma largura de 12,8 metros. O seu interior é constituído por seis salas, uma por cima da outra, atravessadas por uma rampa que permitia o almuadem chegar à varanda da torre. Foi construída no estilo tradicional almóada e a torre é adornada com quatro globos de cobre. Situada ao lado da praça Jamaa el Fna, destaca-se sua torre de 69 m de altura, o edifício mais alto da cidade.



No segundo dia fomos fazer o passou para Ait Ben Haddou, veja que linda é essa cidade, o passeio custa em torno de 50 euros por pessoa e dura o dia todo das 8hs as 22hs, esse passeio é obrigatório fazer, lá em Marrakesh tem muitos passeios legais, outro que se destaca é de acampar no deserto do Saara, alguns amigos fizeram e adoraram, a gente não fez pois tinha feito algo bem parecido no Deserto de Dubai. Escrevi um post só sobre o passeio veja aqui.




No terceiro dia ficamos aproveitando o hotel e almoçando os snacks ao lado do hotel (que compramos e levamos pra piscina, farofeiros mesmo rsrsrs), quando resolvemos ir para lá, pesquisamos se tinha bebida alcóolica no hotel e na cidade pois nesses países com maioria mulçulmana não se vende bebida alcóolica, com isso compramos bebidas no free shopping de Dublin, mas poderíamos ter comprado no free shopping de Marrakesh (porém mais caro) e no hotel onde estávamos também tinha bebida, e não era cara era em torno de 2 euros, então quando acabou nossa bebida que havíamos comprado no free shopping de Dublin, bebemos a do hotel e não ficou caro.



A noite tínhamos pensado em ir para um restaurante com shows típicos, mas estava muito caro, em torno de 100 euros, então não fomos e já tínhamos visto um meio parecido na Cappadocia.




No quarto e último dia fizemos o passeio pela cidade de Marrakesh e visitamos as seguintes atrações turísticas:

Mesquita Koutoubia


Praça central Jemaa El Fnaa



Bab Agnaou portal


Mesquita Moulay El Yazid

Tumbás Saadian



Palácio El Badií


Synagogue


Palácio de Bahia



Souks 


Almoravid Koubba

Museu de Marrakech

Mesquita Ben Youssef

Booking.com
2012 - 2016. Christian Gutierrez e Priscila Gutierrez. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.