Header Ads

Bahamas, aqui vamos nós!

Foto by Chris Lawton, Unsplash
Foto by Chris Lawton, Unsplash
‘Descoberta’ em 1492 por Cristóvão Colombo e hoje uma nação independente, mas parte do Commonwealth britânico, Bahamas é um país como poucos.

Espremido em 13.878 quilômetros quadrados em nada menos do que setecentas ilhas e próximo ao mar do Caribe, tudo o que ouvimos falar é verdadeiro: é um paraíso natural de águas cristalinas, ótimo para mergulhos e atividades ao ar livre ou simplesmente para relaxar e se servir do luxo dos grandes resorts.


Foto by Clem Onojeghuo, Unsplash
Foto by Clem Onojeghuo, Unsplash
Estamos falando de um dos países que tem como principal fonte de renda o turismo. Não coincidentemente, é também um dos destinos mais visitados do globo. A história de sua fundação até a independência foi uma sequência de guerras e dominações. Hoje, o país parece ter ultrapassado esse histórico e vive uma estabilidade econômica, comprovada em toda a estrutura promovida para seu maior negócio: o turismo. A ilha mais conhecida e preparada para isso é New Providence, onde se situa Nassau e Paradise Island, a capital e a segunda principal cidade do país, respectivamente.

Apesar de ter um clima ótimo durante todo o ano, a melhor época para visitar o país é entre dezembro e maio, evitando a temporada de furacões que ocorre nos quatro meses anteriores. A região é conhecida por seus imensos resorts, de forma que nem sempre você quererá sair para conhecer as outras cidades se Bahamas é uma das paradas de um cruzeiro.

Se viaja com tempo, entretanto, vale circular entre as ilhas, para fazer alguns mergulhos e aproveitar a vida boa. Elas são uma grande opção para passeios diferentes e aproveitar para conhecer algumas das dezesseis ilhas povoadas.

A maior parte das pessoas chega em navios de cruzeiros, como uma das paradas da região do Caribe e proximidades, mas outros tantos investem em ficar mais tempo, vindo de avião. É só escolher a melhor opção e se preparar  para desembarcar no país de clima sempre quente e agradável. E o bacana é que dá para fazer a viagem como “parte” de uma maior, já que as ilhas estão aproximadamente a 55 milhas a sudeste de Miami. Qualquer tempo nas ilhas já vale a viagem.

Foto by Sylvia Trigo, Unsplash
Foto by Sylvia Trigo, Unsplash
Bahamas também pode servir, além de passeios românticos e lua de mel, de um período para investir em gastronomia. Nas ilhas, há diversos restaurantes ótimos, comandados por alguns dos maiores chefs da atualidade. O Nobu é um grande exemplo. Localizado dentro do resort Atlantis, o restaurante do chef Nobu Matsuhisa é conhecido por misturar culinária japonesa e peruana de forma única. Vale o investimento, um pouco salgado, e é preciso fazer reservas com antecedência. Para opções mais em conta e também deliciosas, o passeio deve seguir pela Arawak Cay, uma região com diversos restaurantes que servem frutos do mar frescos e comidas típicas.

Para quem gosta de mergulho, só de ver as águas cristalinas dá para ter uma noção de que é alegria garantida: você consegue encontrar tartarugas, tubarões, museu subaquático, barcos e navios naufragados, recifes de corais, tem tudo!

Aliás, em se tratando de atividades marinhas, é como falar sobre as Maldivas ou, também próxima, a Riviera Maia, no México. Aqui você pode contratar um dia para nadar com golfinhos, andar de jet ski, praticar kitesurfe ou simplesmente ficar à mercê de um mar tranquilo.

Foto by Jared Rice, Unsplash
Foto by Jared Rice, Unsplash 
Férias de verão, com tempo bom quase o ano inteiro. Isso quer dizer, por fim, que a região é para todos: aquelas férias inesquecíveis com a criançada e passar um ótimo tempo em família, aproveitando a segurança e as atrações dos resorts ou os passeios com mergulhos para observar a vida marinha.

Também poderá optar por algo a dois em praias vazias, paisagens paradisíacas, atividades de aventuras e quem sabe nadar com golfinhos e tubarões. Não suficiente, se ainda quiser ir sozinho e aproveitar para uma boa farra, não faltam bares, boates e festas, além dos cassinos e da ótima e já mencionada gastronomia. Bahamas têm todas as opções. Quase um parque de diversões a céu aberto para quem dispõe de algum dinheiro e tempo, não há lugar melhor para esquecer os problemas e relaxar.

Booking.com
Booking.com

2012 - 2016. Christian Gutierrez e Priscila Gutierrez. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.