O que fazer em um dia em Helsinque?

O que fazer em um dia em Helsinque?

fevereiro 18, 2019 0 Por Christian Gutierrez e Priscila Gutierrez

Helsinque (Helsinki) a capital da Finlândia, fica às margens do golfo da Finlândia, um dos países mais ao norte da Europa. O que fazer em um dia em Helsinque?

Já faz algum tempo que estávamos planejando uma viagem para Helsinque, estávamos pensando em incluir no roteiro que vamos fazer pelos países Bálticos (Lituânia, Letônia e Estônia) que vamos na Páscoa, mas surgiu uma outra ideia de viagem, e fazer Helsinque junto com uma parte da Lapônia Finlandesa (Ivalo), já que estávamos atrás de ver a Aurora Boreal, então vimos que tinham passagens baratas de Barcelona para Helsinque e de Helsinque para Ivalo, foi aí que fechamos as passagens e resolvemos ficar 1 dia em Helsinque e 3 dias em Ivalo.

Ai vem a pergunta, um só dia é suficiente para conhecer a cidade? Claro que queríamos ficar mais tempo, mas não deu na logística dos voos, mas mesmo com apenas um dia deu para conhecer bem a capital da Finlândia, que adoramos bastante, chegando de avião já é uma vista impressionante pois, o país durante o inverno está todo coberto de neve e gelo, até comentamos que parece uma imensa estação de esquí, pois é uma paisagem como das estações, que tanto amamos.

Chegando no aeroporto que fica fora da cidade, pegamos um trem que custa 5 euros por pessoa e que te leva até a estação central de Helsinque, o ticket ainda vale por 1 hora e 15 minutos, então se o seu hotel não está bem perto da estação, assim como o nosso, é possível pegar um Tram (ou bonde) o ticket inclui os dois transportes, nosso hotel estava uns 25 minutos da estação central , mas como tínhamos o dia apertado e para não perder tempo fomos de Tram.

Ficamos no Hellsten Helsinki Senate Apartments, excelente hotel, bem localizado, alugamos o quarto com cozinha para dar uma economizada na viagem, nosso quarto, também tinha uma sauna seca, nunca tinha visto um hotel com sauna no quarto, a Pri nem gosta de sauna, mas como era de graça no quarto, aproveitamos e fizemos uma sauna rsrs. Falando em sauna, os finlandeses amam fazer sauna, quase todos hotéis que vimos tinham sauna, acho que é por causa do frio extremo que faz no país, chegando aos -38 graus, a gente pegou -17 graus por sorte, pois 2 dias antes de chegarmos estava -38 graus, mas esse frio faz mais ao norte do país, na região da Lapônia, em Helsinque pegamos -5 graus.

Como falamos, a cidade estava totalmente coberta por neve, o porto de Helsinque fica congelado e os barcos tem que quebrar o gelo para passar, mas para nós turistas, tudo isso é lindo.

O que fazer em um dia em Helsinque e quais são as atrações turísticas?

Depois de chegar no hotel e deixar as malas, já começamos nosso roteiro por Helsinque e a primeira parada foi a Catedral de Uspenski, que estava bem ao lado do hotel, essa catedral é bem parecida com as catedrais russas, principalmente a Catedral de São Basílio em Moscou, a catedral estava aberta e visitamos por dentro que é tão bonita como por fora.

Logo ali do lado da catedral tem a Roda Gigante de Helsinque a SkyWheel Helsinki, que está no porto da cidade e tem uma vistas da baia muito legal, a gente só passou por lá, mas não subimos, deve ser bem legal.

Uma atração de Helsinque que só descobrimos o que era no dia, a Allas Sea Pool, é uma piscina aberta com água quente, também na frente do porto, ao estilo da Blue Lagoon da Islândia, como já tínhamos ido na da Islândia que é bem mais bonita, deixamos de lado essa atração e continuamos o passeio, pois senão não daria tempo de conhecermos outras partes da cidade, mas para quem tem mais tempo, pode ser interessante.

O Porto e Pier de Helsinque, nessa época de inverno é muito lindo todo congelado e branco, é uma vista tão diferente que a gente adora conhecer e ficar um tempo curtindo o visual.

Ainda na região do porto vimos a casa do presidente da Finlândia que também é um museu e se pode visitar.

Já era hora do almoço e um lugar ótimo para comer uma comida típica finlandesa é no Mercado Antigo (Old Market Hall) por fora é bem bonitinho o mercado, e por dentro tem vários quiosques com comida local, um dos pratos principais do país é o salmão e a carne de rena, no mercado se pode comer vários tipos de preparos de salmão, nós comemos por ali e não foi muito caro.

Na Praça do Senado está a Catedral de Helsinque, que é um dos cartões postais da cidade, a catedral estava fechada para reforma e não pudemos entrar, só estava aberta a parte da cripta que não tem nada de muito bonita, mas a catedral por fora é muito bonita, tanto que passamos por ela de dia e de noite que fica toda iluminada.

Perto da catedral tem outros dos prédios bonitos: o da Casa dos Estados (House of the Estates) e a Igreja Holy Trinity Church que já tem um estilo de igreja da Europa do Oeste, a catedral de Helsinque tem um estilo mais russo.

A catedral está perto da estação central que tem estilo arquitetônico muito bonito, lembra um outro prédio de estilo russo na capital da Polônia em Varsóvia, e também está o Teatro Nacional que na frente deles durante o inverno tem uma pista de patinação ao ar livre.

Por último passeamos pelo parque Esplanadi, que tem várias fontes e esculturas e que na época do natal fica todo iluminado com luzes de natal, ali tem um restaurante e bar muito bonito, o Kappeli, e no final do parque tem a escultura Havis Amanda, umas focas.

O sol no inverno da Finlândia se põe cedo,  quando fomos ele estava se pondo 17h e já era hora de descansar as pernas e aproveitar para tomar uma cerveja no barco bar o MS Marival II, fica também no porto de Hensilque e tem uma vista bem legal do porto, além de ter uma cerveja a um preço barato para o país que é caro beber álcool, em torno de 6,50 euros a pint de cerveja (500ml)

Como falamos no começo do post, reservamos um hotel com cozinha para gastar menos com comida, então fomos ao supermercado K-market Erottaja, comprar cerveja e comida, e voltamos já a noite para hotel jantar e aproveitar o nosso quarto com sauna.

Faltou conhecer em Helsinque

Como ficamos pouco tempo e algumas atrações turísticas de Helsinque ficavam mais distantes do centro da cidade, faltou ver o Museu Nacional da Finlândia (The National Museum of Finland), a Capela Kampi (Kamppi Chapel) uma capela construída toda em madeira, as igrejas Temppeliaukio Church e St. John’s Church, além da praia de Hietaranta que no inverno fica coberta de neve e deve ser bem diferente este visual.

No dia seguinte acordamos de madrugada e fomos para Ivalo na Lapônia Finlandesa, logo publicaremos sobre Ivalo.

Planeje sua Viagem

Deu vontade de viajar depois de tantas dicas? O Blog TurMundial te dá ainda mais dicas para facilitar suas viagens: Quer reservar um hotel? Reserve hotéis com ótimos preços pela Booking. Quer reservar um apartamento, casa, barco ou até uma casa na árvore e ainda ganhar 100 reais na sua primeira estadia? Reserve tudo isso e muitas outras opções de lugares com preços excelentes pelo AirBnB. Quer comprar ingressos antecipados para diversas atrações e tours sem aquelas filas imensas? Compre Ticketbar Quer alugar um carro? Sem dúvida indicamos a Rentcars.com ela busca os melhores carros e valores do mercado. Precisa enviar ou receber dinheiro de/para exterior, sem pagar aquelas taxas absurdas de banco ou casas de câmbio la TransferWise Quer evitar problemas no meio da sua tão esperada viagem? Contrate um seguro de viagem com qualquer uma dessas empresas Real Seguro de Viagem, ou Seguros Promo Quer evitar aquelas contas altíssimas de celular no final da sua viagem internacional? E mesmo assim poder fazer, receber ligações e usar a internet? Compre um chip de celular internacional com qualquer uma dessas empresas: Easysim4u OBS: Ressaltamos que a responsabilidade pela prestação dos serviços/venda e entrega dos produtos, são dos fornecedores acima descritos.